main

CAMPEONATOS

A FORÇA DESTA EQUIPE CHAMADA SUPERAÇÃO

29 de abril de 2019 — por Roberto Marinho0

56806453_2595196183885943_4877424028807069696_o-960x947.jpg

 

PRIMEIRA FASE DO CAMPEONATO BRASILEIRO, 2019, COM MUITA EMOÇÃO E SURPRESAS

Quando estudei logosofia ( por um período curto ), ouvi dizer sobre “ o poder da Lei de Conjunto”….Parece que eu entendi do que estava sendo falado.

Depois, sempre me vem à mente – o conceito desta lei – como algo recorrente; dependendo da experiência que vivencio. Em momentos, inclusive, quando existe uma espécie de confluência nesta direção, logo, me recorre, novamente, à lembrança do contexto para a atuação da tal chamada lei entrar em ação. Considerada, inclusive, como uma das leis universais…que, biblicamente falando, faço comparação a um versículo que faz menção um Cordão de Duas Dobras. Ou seja, mais difícil de ser rompido. Lógico, tudo isso, sob o meu olhar, claro.

Ao ponderar sobre esta equipe de patinação de velocidade profissional – da qual faço parte-, presente na Primeira Fase do Campeonato Brasileiro de Patinação da mesma modalidade; novamente, vi a Lei de Conjunto em ação; ali, posta à minha frente. Observe que temos crianças, adolescente, jovens e adultos..Todos tem o mesmo objetivo: fazer a melhor prova o obter o melhor resultado; por que, afinal, desta prova saíram os atletas que VÃO REPRESENTAR O BRASIL NA PATINAÇÃO DE VELOCIDADE, na América Latina.

 Como membro da equipe, consegui acompanhar o treino anual de cada um dos atletas – lá presente- Observei algo em comum a todos que destaco aqui. Afinal, são algumas características pessoais positivas que cada um de nós teve que colocar em ação ou desenvolver para – na pista- fazer o melhor, por nós e por nossa equipe que leva o nome de SUPERAÇÃO. Nada diferente do que numa empresa – onde se trabalha em equipe – na maioria das vezes -, para a conquista de um objetivo comum.

Para Você ter uma ideia…nos dias de campeonato, após as provas, gritamos, torcemos e choramos a favor e contra também – ( torcer contra faz parte). Ajudamos uns aos outros….Fato é, que, indiferentemente, de como cada um funciona com seu aparelho psíquico, o ideal maior sempre esteve presente: conquistarmos nossos melhores resultados. Nos unimos de uma tal forma, que acabamos por conseguir bons resultados e da nossa equipe um dos atletas vai representar o Brasil. Afora tudo isso, coloquei meu Eu observador em ação, para identificar quais características foram mais preponderantes para nossos bons resultados e dos outros atletas das equipes que vão representar o Brasil, Latam. Veja. Nenhuma novidade. Mas, novamente, relembrando o que sempre se fala :

 Disciplina,

Foco,

Determinação,

Resiliência,

Humildade,

Alto estima equilibrada,

Consciência dos limites e potencialidades,

Capacidade de lidar com a frustração,

Capacidade de sustentar o sucesso,

Solidariedade, dentre outras…Mas, aqui acho as primordiais.

Ah…empatia, também…..Estas acredito ser de suma importância.

MAIS UMA VEZ, APRENDIZADO PARA MIM: se eu ( RM ) conseguir fazer um manejo bom e adequado destas atitudes, tenho a impressão que consigo conviver bem em equipe ou fora dela e obter bons resultados para para mim, sabendo, logicamente, como contribuir com o meu time. Um abraço do Roberto Marinho.   

 

 

 

CAMPEONATOS

SUL DO BRASIL DESPONTA COM SUAS PROVAS EM ROTEIROS MAIS QUE CHARMOSOS

31 de março de 2019 — por Roberto Marinho0

FLORIPA.jpg

Após a prova. 21km.3 da cidade Curitiba, realizada pelo atleta da patinação de velocidade, Cleildo José da Silva, também, Ciclista. 

Agora, é a vez  SCIM 2019 – Santa Catarina Inline Marathon. Uma prova de tirar o fôlego, mesmo !!  Isso, por vários motivos óbvios, mas um apelo forte e fundamental, é o  belíssimo roteiro à beira mar, numa cidade linda e desejada por muitos brasileiros, para morada fixa. Desde que que estou na patinação, há dois anos e alguns meses, sempre tenho ouvido falar com certo encantamento sobre a prova da Santa Catarina. 

Além, de fomentar o esporte, incentivar atletas da categoria, João Scapin, consegue gerar um  impacto positivo à  economia gerado pelos “maraturistas. Turistas que vêm em busca de novas experiências. Nesse ano,  nossa expectativa é atrair 300 atletas e já temos 6 países confirmados: Argentina, Uruguai, Paraguai, Estados Unidos, Colômbia e Portugal, como comenta o idealizador da prova.

Até o momento que conversei com seu organizador, João Scapin, administrador de empresas,  também, atleta da patinação de velocidade, da equipe…..o ” Patinador Vegano”, como se alto intitula, rsss, havia mais  de 130 inscritos, ” sendo que 32,  são de outros países” . Acredito seja a prova brasileira com o maior número de participantes que já ouvi comentários. 

Scapin, também, deixa escapar que haverá uma clínica  [ previsão ainda ] e no dia anterior do evento, um ” aulão” como chama Scapin. Tudo ministrado pela  Brasileira,  Larissa Paes,  que desponta no cenário internacional como atleta da patinação de velocidade, gelo.

Para o final do evento, está prometido um encontro com os  atletas e convidados, ” um beer & foodtrucks “, como define o Patinador Vegano, assegurando que  Já deu entrada no pedido junto à prefeitura. .” Está super em moda, por aqui  este conceito de Foodtrucks”, arremata do Scapin 

 

 

VEJA O EXEMPLO DO QUE FOI A MARATOHANA EM 2017

AVISO IMPORTANTE PARA OS ATLETAS DA SCIM 2019: INSCRIÇÕES PRORROGADAS ATÉ O DIA 05/04/2019. TAMBÉM, ALTERAÇÃO PERCURSO

A PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS, em conjunto com a entidade administradora de tráfego, Secretaria Municipal de Esportes e Secretaria Municipal de Turismo, comunicou à organização da SCIM na última sexta-feira (08/02) que, devido a conflitos operacionais, o evento Santa Catarina Inline Marathon e IronMan 70.3 serão realizados em percursos distintos.

PERCURSO

Uma prova para ficar na memória, mas que vai passar voando neste percurso excepcionalmente plano!

 

A programação e premiação da Santa Catarina Inline Marathon 2019 está mantida. No entanto, a prova retornará ao seu percurso original, junto a Beira Mar Continental, parte insular de Florianópolis, com adição de 1.000 metros no percurso dedicado a prova, que passará a ter 4,6 km por volta.

Horários de largadas serão mantidos e uma nova programação de retirada de kit-atleta será informada nos próximos dias.

A organização da SCIM também informa que a alteração do percurso pode afetar a quantidade máxima de atletas na prova e providências estão sendo tomadas junto a seguradora e apoiadores para viabilizar a maior experiência esportiva para todos.

Regras gerais para os patinadores e participantes em geral

Todos patinadores devem ter mais de 16 anos, completos até 27 de abril de 2019. Patinadores com idade entre acima 16 anos completos e abaixo de 18 anos até 27 de abril de 2019, devem submeter inscrição com autorização dos responsáveis e somente poderão participar da prova MEIA-MARATONA, na categoria INICIANTES. Não serão aceitas inscrições para menores de 16 anos.

Todos patinadores devem participar das corridas com lealdade, entusiasmo e respeito. Todas insatisfações, sejam com organização, prova, arbitragem ou serviços executados durante as competições, deverão ser encaminhadas pelos canais corretos com os organizadores, sendo compromisso da organização atender em tempo toda requisição.

Nas disputas, os patinadores devem respeitar todas as normas deste regulamento, sob a penalidade de exclusão da competição ou, em casos gravíssimos, a expulsão permanente de eventos no Estado.

Os patinadores devem alcançar a linha de chegada pelo caminho definido pela organização (percurso), sem desvios laterais e de qualquer forma de auxílio externo que altere seu resultado ou performance.

Em nenhum caso é permitido aos patinadores derrubar, empurrar, obstruir, ajudar ou cortar o caminho de outro competidor.

Os patinadores, quando em curso de prova, devem sempre manter o bordo direito do percurso. Para fins de segurança, os participantes devem sempre considerar a realização de ultrapassagens pela esquerda. Quando da ultrapassagem, em caso de obstrução ou colisão, a responsabilidade será aplicada ao patinador que está ultrapassando, desde que o patinador que está sendo ultrapassado não haja impropriamente.

É totalmente proibido aos patinadores aceitarem “ajuda externa” de qualquer gênero durante a competição. É considerada “ajuda externa” qualquer auxílio prestado por pessoa não autorizada ou não participante da organização em postos e função específica para esta finalidade.

Em caso de queda, o patinador que estiver em condições de continuar a competição, deve se levantar sem ajuda e prosseguir no percurso de prova. Comprovado caso de recebimento de ajuda, de qualquer gênero, será acrescentada a penalidade de 30 segundos sobre seu tempo total de prova.

O patinador está autorizado a reparar equipamento defeituoso, tomando o devido cuidado para não obstruir a corrida. A manutenção deve ser feita apenas com ferramentas e/ou peças que estiver carregando, sendo proibido qualquer auxílio externo, exceto se prestado por pessoa autorizada ou participante da organização em postos e função específica para esta finalidade.

Os patinadores que desistirem da prova durante a corrida, devem comunicar imediatamente um juiz de prova sua desistência e assim serão classificados na posição do tempo correspondente.

É proibido aos patinadores tocar com os patins a parte externa quando delimitada do circuito de competição.

Os patinadores devem estar atentos as chamadas e avisos sonoros para largada de provas. Todos participantes devem se preparar e estar prontos no momento que antecede a sua largada. A arbitragem desclassificará o participante que não atender a ordem de largada. A largada é precedida por um aviso de 5 minutos e outro de 1 minuto.

Das provas e categorias

As categorias valem tanto para o gênero feminino e masculino. A organização da prova se reserva o direito a definir a participação de ambos os gêneros numa mesma largada, conforme o número de inscritos, respeitando a preferência de largada.

A provas serão realizadas em horário, local e percurso definidos pela organização com autorizações legais dos poderes públicos pertinentes. O horário, local e percurso serão divulgados pela organização previamente por meio de comunicado oficial até 10 dias antes da prova, podendo ser alterados até sua versão final, que deve ser comunicada em definitivo até 48h antes da primeira largada. Por razões técnicas, de segurança e à critério da organização, as distâncias das provas dentro do percurso poderão ser afetadas.

Uma vez iniciada, a prova pode ser encerrada se as condições atmosféricas forem desfavoráveis e a classificação final será pelo posicionamento durante a prova no momento do encerramento.

A prova é de circuito fechado (estilo Criterium). O cumprimento de volta e quantidade de voltas serão determinados conforme aprovação com autorizações legais dos poderes públicos pertinentes. O portal de chegada será o mesmo para todas as distâncias, porém as largadas acontecerão em pontos diferentes do percurso. Devido a quantidade de atletas e distâncias, a cronometragem de cada atleta será pelo tempo BRUTO (TPA=HCA-HLP sendo “tempo de prova do atleta” (igual) “horário de chegada do atleta” (menos) “horário de largada da prova”).

PROVAS E DISTÂNCIAS

– MARATONA – 42.195 metros

– MEIA MARATONA – 18.400 metros

GÊNERO

– MASCULINO

– FEMININO

CATEGORIAS / GRADE

– ELITE (sem restrição de idade)

– GERAL

– OPEN 1 (18 a 24 anos)

– OPEN 2 (25 a 29 anos)

– MASTER 30 (30 a 34 anos)

– MASTER 35 (35 a 39 anos)

– MASTER 40 (40 a 44 anos)

– MASTER 45 (45 a 49 anos)

– MASTER 50 (50 a 54 anos)

– MASTER 55 (55 a 59 anos)

– GOLD 60 (60 a 64 anos)

– GOLD 65 (65 a 69 anos)

– GOLD 70 (acima 70 anos)

– INICIANTES* (16 a 79 anos) – SOMENTE MEIA MARATONA

* Participantes entre 16 e 18 anos, com autorização dos responsáveis, participarão da categoria INICIANTES e realização somente a prova MEIA MARATONA. 

Regulamento e do Circuito

Este regulamento aplica-se aos participantes e provas da SANTA CATARINA INLINE MARATHON 2019. Seus casos omissos devem ser dirimidos com base nas regras de patinação de velocidade pela Confederação Brasileira de Hóquei e Patinação – CBHP. A SANTA CATARINA INLINE MARATHON 2019 é uma prova aberta, válido para qualquer participante, praticante de patinação. Todos participantes serão enquadrados nas CATEGORIAS definidos neste documento, que pode ser atualizado a critério da organização.

Condições, validade e aplicação do registro e pagamento da inscrição

Cada inscrição é composta por um registro e um pagamento. As inscrições são válidas somente para o evento SANTA CATARINA INLINE MARATHON 2019, a ser realizado em Florianópolis (SC) dia 28 de abril de 2019. As inscrições são pessoais e intransferíveis e dão direito a 01 (um) número de corrida, que é intransferível. As inscrições iniciam-se dia 01º de JANEIRO de 2019 e estendem-se até 31 de MARÇO de 2019. Por definição da organização, as inscrições podem sofrer prorrogações e promoções.  As inscrições serão aceitas somente utilizando o sistema online em www.scinlinemarathon.com.br

Um participante inscrito que não largar na sua prova, independentemente de haver ou não declarado sua retirada antecipadamente ao promotor, não terá direito a reivindicar o reembolso da inscrição, assim como em caso de desclassificação e retirada da prova.

A taxa de inscrição será reembolsada integralmente somente se todo o evento for cancelado por decisão do promotor, sem justificativa, com base meteorológica, segurança ou outro critério que comprometa a integridade física e emocional de seus participantes e colaboradores. A taxa de inscrição será reembolsada parcialmente, a razão de 50%, por solicitação do inscrito se o pedido de cancelamento for feito até o dia 15 de MARÇO de 2019. Qualquer reembolso será realizado até 01º de junho de 2019. Não será reembolsado qualquer outra despesa do inscrito.

VALORES PARA ATLETAS BRASILEIROS

Lote 01 – NORMAL

LIMITE: 150 INCRIÇÕES

De 01/01/2019 até 28/02/2019 – R$ 130,00 (R$ 117,00 de inscrição e R$ 13,00 Taxa de sistema)

LOTE 02 – ADICIONAL

LIMITE: 150 INCRIÇÕES

De 01/01/2019 até 31/03/2019 – R$ 150,00 (R$ 135,00 de inscrição e R$ 15,00 Taxa de sistema)

O lote normal (01) tem vigência até o dia 28/02/2019 ou até a duração do número de vagas, o que acontecer primeiro. O lote especial (02) inicia-se imediatamente ao fim das inscrições do lote normal (01).

Para BRASILEIROS será utilizados o sistema DOITY/MOIP para inscrição, cujas formas de pagamento são administradas via operadora.

VALORES PARA ATLETAS ESTRANHEIROS

LOTE 01 – NORMAL

LIMITE: 150 INCRIÇÕES

De 01/01/2019 até 31/03/2019 – U$ 30,00

LOTE 02 – ESPECIAL

LIMITE: 150 INCRIÇÕES

De 01/01/2019 até 31/03/2019 – U$ 50,00

Para ESTRANGEIROS, será utilizado o sistema de transferência de recursos Western Union para concluir a inscrição, cujas formas de pagamento são administradas via operadora.

Uniformes para as competições

Os participantes de ambos os sexos devem vestir o uniforme de competição adequados. Os participantes que não estiverem corretamente equipados podem ser excluídos da competição.

São considerados uniforme de competição:

  1. Vestimenta completa composta por bermuda ou calça e camiseta, ou fusão destas peças, sem descaracterização, sem mensagens ofensivas ou que possam prejudicar que qualquer forma as competições, sendo livres as publicidades nos uniformes.
  2. Capacete protetor integral de material duro sem protuberâncias aerodinâmicas.

Na cerimônia oficial de entrega das medalhas, será a critério e cada patinador a apresentação com seu uniforme de prova. será permitido o uso de patins nos pés na cerimônia de premiação. Recomenda-se o uso de proteções de joelho, punho e cotovelos. Uniforme de competição que não apresentarem condições de segurança para a arbitragem, poderão ser negados a participação até o devido conserto ou troca.

Uniformes para as competições

É permitido o uso de qualquer tipo de patins com rodas, podendo ser de rodas fixadas em linha de no máximo 05 (cinco) rodas, não podendo exceder a 60 cm de comprimento e diâmetro máximo das rodas em 125 mm.

Os patins devem estar solidamente fixados as botas, os seus eixos não podem estar soltos ou expostos. Patins que não apresentarem condições de segurança para a arbitragem, poderão ser negados a participação até o devido conserto ou troca do equipamento.

Resultados e Premiação

Na Edição 2019 do SANTA CATARINA INLINE MARATHON, a cerimônia de premiação será dada somente aos participantes regularmente inscritos. Não será feita premiação para equipes, times ou demais agrupamentos. A premiação de troféus será feita por prova (42 e 21 km) e por gênero (masculino e feminino), somente nas categorias Elite e Geral. Na categoria Geral não haverá premiação para as grades: a premiação ocorrerá pela ordem de chegada, distinguindo somente gênero (sem distinção de idade). Os pódios serão compostos pelas 05 (cinco) primeiras posições. A categoria INICIANTES será premiada sem distinção de gênero com troféu apenas para os 05 (cinco) primeiros colocados.

Seguro atleta

A organização disponibilizará uma opção de contratação de seguro pessoal para acidentes no evento, que deverá ser contratado individualmente por cada atleta. A inscrição no evento não contém o seguro individual do atleta. O seguro individual do atleta não substitui o atendimento médico de emergência disponibilizado para atendimento local. É de inteira e restrita responsabilidade do atleta a contratação de seguro individual, ou qualquer outro produto simular ou substituto que o atleta já possua.

Considerações finais

A homologação dos resultados finais estará disponível para download em até 72h após a conclusão de cada prova, não cabendo recurso. Qualquer caso omisso deve ser tratado diretamente com a Comissão Técnica designada. Mais informações no e-mail – contato@scinlinemarathon.com.br

Os dados pessoais fornecidos no formulário de inscrição por cada participante serão armazenados eletronicamente e tratados para fins de registro do participante e para sua entrada apropriada no evento, bem como para ajudar equipes do evento na prestação médica cuidar do participante no curso e ao terminar.

As fotos, filmagens e entrevistas reunidos no quadro do evento para rádio, televisão, imprensa escrita, Internet, livros, cópias (analógico, ou seja, ou filme digital, meios digitais, etc.) podem ser distribuídos e publicados pela organização do evento. Todos atletas consentem a utilização de suas imagens para fins de divulgação sem qualquer responsabilidade por reembolso

O nome completo, ano de nascimento, cidade, sexo, número de corrida e resultado (classificação e tempo) do participante será impresso e/ou publicada para as listas de partida e listas de resultados em todos os meios relacionados com o evento relevante.

Os atletas participantes pontuarão o ranking PRO ROLLER TOUR conforme disposições da entidade.

Os atletas podem solicitar troca de categoria ou distância até o ultimo dia de inscrição, realizando o pedido oficialmente por e-mail.

 

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

 

AGRADECIMENTOS 

@rollingsports @vulcanoenergydrink @cbhpvelocidade @berlinmarathoninlineskating @voudepatins @powerslidebrand @redeglobo Globo @radiobandnews @pauladonati METROPOLITANA FM A Rádio Rock Radio Joven Pan Rádio Eldorado TV Gazeta Tv Globo SBT Record TV ESPN eSPORTtv

#rollingsports #souesportista #decathlonbrasil #decathlonraposo#vulcanoenergydrink #powerslidebrand #robertomarinho#robertomarinhovoudepatins #berlinmarathon #patinsnabagagem#rafaromano

 

 

 

 

 

 

CAMPEONATOS

CERTIFICADO. ENTRE OS 10% DOS QUASE 9 MIL PATINADORES DA BERLIN 2018

28 de janeiro de 2019 — por Roberto Marinho0

41827831_2175933402478892_5374532481473052672_o.jpg

Nem estava esperando…De repente, recebo meu certificado de participação da Berlin Marathon. Que alegria. Valeu o esforço. Em meio aos quase 9 mil atletas na prova, fiquei entre os 10% . Posição 824. Ou seja, menos que 10% do grupo todo e sem dúvida o primeiro do Brasil. Para mim, enorme e boa surpresa.

Depois de ter feito a prova percebo que poderia ter ido um pouco melhor…claro…( como também, pior.  ). No entanto, gostei muito do meu resultado e da experiência. A princípio, como já disse aqui e ali, tinha receio dos resultados. Fato que sempre positivo, mesmo sem medalhas, pódiuns primeiros ou terceiros lugares. A experiência de não certo, também conta muito. Aprende-se se é possível fazer diferente. Se é possível dar conta, e, o que pretende-se fazer com tudo isso. rsss. 

Da próxima vez, uma das principais atitudes. Fico mais perto da prova. Fui na conversa do meu agente de viagens….acabou que, não foi interessante. Faz uma diferença enorme. Principalmente, quando se chega na cidade, quando se vai para a prova e no dia da retirada dos kit. É tudo muito rápido…No tocante a informações fica mais difícil. Nem todos falam inglês. Principalmente, os mais idosos. Então, a comunicação realmente, fica prejudicada. Bem, foi o que eu notei, claro.

Depois, o chegar antes [ bem antes ], em cada evento, compromisso…..é super importante. Isso me colocou numa zona de tranquilidade que fiquei na vantagem em vários momentos. Mesmo e principalmente, no dia da prova. Anteriormente, consegui visitar banheiros, conhecer os corredores de largada, os acessos, o traçado asfáltico que teria que fazer até me posicionar em meu corredor. Observei que era um solo cheio de pedras grandes…e, que teria que optar andar pela calçada [ gramado – onde as rodas dos patins seriam travadas ], ou mesmo, teria que vestir os patins..no corredor antes da largada.

Aí, após a prova. Necessário este envelope plástico. Pois sai-se da prova saindo fumaça do corpo. Ou seja, temperatura corpórea alta…Totalmente, ensopado e quente. Se a pessoa colher uma chuva ou frio muito baixo…pode ser acometido de pneumonia. Por isso dos cuidados. Enfim …uma sensação jamais imaginada.

 

Geral

VEJA COMO MOLDA UM BOTA PARA SEUS PATINS

24 de janeiro de 2019 — por Roberto Marinho0

Roberto-Marinho-G02-960x540.jpg

No primeiro dia que estava em Berlim, para disputar a Berlin Marathon, 2019, abertura do evento, me deparei com uma feira de produtos para patinação. Deparei-me com o maior acervo de produtos e itens para patinação que já vi antes. As principais marcas estavam representadas. Uma das coisas que mais me chamou atenção e respondeu uma curiosidade sempre presente: como são feitos afinal os patins ” sob medida “, customizado?, como gosto de dizer.

Quando pequeno me lembro bem, meu pai Alfredo Marinho, me dizia:  ” preciso pedir para o Benito [ sapateiro e amigo, do bairro da Bela Vista, centro de São Paulo ], fazer um novo sapato de cromo alemão “.  Alfredo, mega vaidoso, amava seus sapatos de cromo alemão. Sempre tive a curiosidade entender como eram feitos…porém, nunca me ocorreu perguntar. Anos passaram-se e, agora, Eu, na patinação me deparo com a realidade dos patins feitos sob medida. Agora, sim, me veio a grande curiosidade: como será feito o molde de um patins ?

Na verdade, o que são moldadas, são as botas. A base, rodas e rolamentos são as mesmas como em  qualquer outro Patins…evidentemente, muda-se a marca, qualidade e preço. Mas, chega em um momento em que praticamente, qualidade e preço são compatíveis [ na minha visão]. …mais, mesmo, uma questão de gosto pessoal, adaptação às botas, rodas e outros detalhes. Evidentemente se perguntado a outro patinador…talvez a resposta seja diferente. cada um tem gosto preferencial . 

Observei que, primeiro, o pé da pessoa é limpo e passe-se um creme, tipo vaselina, para facilitar a saída da bota de gesse que serviu de molde. Depois, observei que usavam um tipo de gaze com gesso. Daí molda-se o pe da pessoa..tira-se a bota para criar algo ” on demand “. Quem teve um patins feito sob medida costuma gostar muito…porém, já ouvi comentários de que tenha ficado apertado. Machucar o pé..Enfim…novamente, cada um, cada um. 

Recomendo dar uma olhada no vídeo que está acima e no meu canal no youtube para Você acompanhar de perto como se faz o molde. Para os casos dos brasileiros e sul americanos que estava na Berlin Marathon…os patins foram encaminhados para a Argentina e retirados pelos seus respectivos donos naquele pais. Quem optou por receber por algum ” courier ” também foi atendido. 

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

 

AGRADECIMENTOS 

@rollingsports @vulcanoenergydrink @cbhpvelocidade @berlinmarathoninlineskating @voudepatins @powerslidebrand @redeglobo Globo @radiobandnews @pauladonati METROPOLITANA FM A Rádio Rock Radio Joven Pan Rádio Eldorado TV Gazeta Tv Globo SBT Record TV ESPN eSPORTtv

#rollingsports #souesportista #decathlonbrasil #decathlonraposo#vulcanoenergydrink #powerslidebrand #robertomarinho#robertomarinhovoudepatins #berlinmarathon #patinsnabagagem#rafaromano

 

 

 

GeralSobre Patins

E AGORA FREIO OU PASSO POR CIMA ?

14 de janeiro de 2019 — por Roberto Marinho0

c1236584-c3d4-4f21-adfb-ced1e26fa4fd-960x708.jpg

Fui ouvir o Rafael Romano, sobre possibilidades de freio na patinação. Somando nossas experiências temos aí um bate-papo bem agradável, simpático e bem humorado. Super vale a pena dar uma espiada no que conversamos sobre o tema. 

 

Neste video, que já está em meu canal do youtube: [ Vou de Patins ] FALO APENAS sobre como o ” frear”  os patins na modalidade esportiva: patinação de Velocidade, da qual faço parte, como atleta brasileiro. …. Achei interessante trazer este tema por aqui pelo fato de que ouço várias pessoas me perguntando “já que a sua modalidade é a de velocidade, como se faz para brecar numa situação de pânico, terror e aflição” ? Bem, para estes casos, de verdade, só a proteção divina. Pa os outros tantos, a gente dá um jeito. Assim, o jeito, é mesmo treinamento. Não o que fazer: Aprendizado + treinamento. Junta-se estas duas variáveis, meio que: pronto, tem-se a receita. 

Mesmo com tudo isso, não quer dizer que dará tudo certo ou ao contrário. Mas, acredito que uma das melhores partes nisso tudo é a segurança que o patinador adquire. Ao ficar mais confiante Você se sente mais confortável, melhora o desempenho e o resultado numa prova também. Acabei vencendo uma prova em Piracicaba, porque aprendi a frear. Quer dizer, deixa explicar melhor, kkkkk. Aprendi, numas. Fui para a prova. Todos diziam que a descida era ” tranquila “. Mentira. Quando cheguei lá me deparei com uma ladeira íngrime. Pelo menos,  para mim. Fiquei apavorado e decidi não fazer a provada. Até que, dois/três amigos de equipe resolveram me treinar. Daí consegui descer. Fazer a provar e levar segundo lugar na minha categoria. Já em Berlin, Não tive problemas. Sabia frear.

Outra pessoa 

Sabe que no momento do post deste link, me veio à mente – como sendo um filme a ser editado -, o seguinte: … …Depois que participei da BERLIN MARATHON, 2018 [ dois anos de preparação para chegar lá – saindo do zero à Berlin Marathon ] – às vezes -, me observo, pensando e agindo como se fora outra pessoa [ lógico todos mudamos ] Resumindo vivi uma enxurrada de emoções humanas, como: Alegria, Medo, Amor, ódio, saudade, raiva, esperança, ansiedade, orgulho, desespero, tristeza, culpa, vergonha, desesperança, cansaço, confusão….não raro, duas delas combinadas – kkk. Afinal, nunca havia pensado começar patinar, fazer disso…., me federar, ganhar campeonatos e representar o Brasil na minha categoria máster 50. Assim como na vida, na empresas, nos grupos sociais: FREAR OU ATROPELAR ? Resumindo, precisei me conhecer [ ainda muito mais ] e lidar com o tal princípio da realidade. Perguntas recorrentes: Onde estão os meus limites ?? Até onde vão minha coragem e ousadia para dar conta dos meus diversos papeis ??

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

AGRADECIMENTOS: 

@cbhpvelocidade @berlinmarathoninlineskating @voudepatins @voudepatins @powerslidebrand @redeglobo Globo @brasileirossemfronteiras @radiogeekbr @radiobandnews

#rollingsports #souesportista #decathlonbrasil #decathlonraposo#vulcanoenergydrink #powerslidebrand #robertomarinho#robertomarinhovoudepatins #berlinmarathon #patinsnabagagem #rafaromano

Favor: 

DEIXE POR AQUI O SEU ” JOINHA”…E ME SIGA…NAS REDES SOCIAIS, TAMBÉM……TODAS COM O MESMO NONME E OBJETIVO:  

VOU DE PATINS

Um abraço do,

Roberto Marinho – Atleta Confederado e Federado pela, CBHP,

Membro da SuperAção Roller Team  

 

Sobre o Roberto Marinho

DO ZERO A BERLIN MARATHON – 1

17 de novembro de 2018 — por Roberto Marinho0

DEPOIS-E-O-ANTES-960x540.jpg

 

Minha história contada em capítulos. Sem pressa; talvez, sem uma ordem cronológica. Mas, de qualquer maneira,  dentro de uma lógica que faz sentido para mim e vai ficar gostoso para Você me ouvir contar. Acima de tudo, organizada por temas e assuntos – momentos da minha vida, trajetória que percorri para chegar a Berlin Marathon, saindo do zero. Zero mesmo !!!!  Zero esporte, zero falta de conhecimento sobre o tema patinação de velocidade, zero entendimento da abrangência de onde um sonho [ sonhado ], poderia me levar com seus desdobramentos e responsabilidades. Enfim, não zero a lugar nenhum. Zero a um universo lindo. 

Uns falam em Superação, outros: determinação, ou ainda, força de vontade, perseverança, idealização, ego exacerbado, dor de uma criança rejeitada, sem nomeação – aquela tal fala atravessada entre a garganta e o peito dizendo: ainda consigo. Oh. de verdade, há um misto de tudo isso.

Nunca, é uma coisa só. Sempre digo isso: nunca é uma coisa só ( tema que vou tratar por aqui em algum momento ). Isso, quando se observa qualquer cenário, fato, pessoa, seja lá o que for. Para início da prosa, logo de saída; para “startar” mesmo a conversa, me vêm à mente: minimamente duas fortes variáveis, alinhadas ao sim e não, fazendo-me lembrar a música cantada por Danilo Caymmie:  ” Eu guardo em mim dois corações.  Um que é do mar um das paixões – algo assim….Ouve a música e observe a poesia da letra.

Voltando ao tema central , kkkk, divago até, né ??!! kkkk -delícia poder divagar aqui neste meu espaço. ….Mei0 que,  tudo aquilo acima narrado, mas, ainda e inicialmente, uma palavra que explica sem conseguir definir…..Apenas o pivô ou a ogiva de uma bomba atômica chamada FRUSTRAÇÃO: 

FRUSTAÇÃO COMO MOLA PROPULSORA PARA CRISTALIZAR UM SONHO. 

Como assim, frustração ??  Simmmmmm !!!! Frustração/sonho. Quer ver ??  conto fácil.

Primeiro,  o NÃOOOOO  estratosférico de mãe quando se entende o que está acontecendo, como por exemplo patins, não !!  [ isso eu não vou comprar para Você ( os patins, tá bom ??  kkkk ) ], aquela frustração foi tão acentuada que virou desejo descabido, que se tornou sonho…depois sonho sonhado….( desejo latente do inconsciente ). Eu então:  ” ah um dia eu compro e ando, quanto tempo eu quiser.  Me aguarde”, Um sentimento que transbordou como conteúdo latente e invadiu minhas noites de sono. Que incomodou minha esposa – que, de tanto me ouvir falar disse: ” ou Você procura aulas e resolve isso ou nunca mais me fale sobre este tema de patinação. Não aguento mais”. 

Mas o primeiro tema que vou tratar aqui é a importância e a frustração como mola propulsora para algo maior que Você nem consegue dimensionar.  Estou criando a palestra DO ZERO A BERLIN MARATHON, para contar minha história e trazer minha experiência destes dois últimos anos, principalmente – onde saí do zero ( esporte ) e de alguns estados letárgicos da vida  e me tornei patinador de velocidade, campeão brasileiro, atleta confederado e federado, até à mudança de empresa – saindo de uma pseudo zona de conforto, assumindo uma diretoria de ” new bussiness”,  aos 56 anos, quando muitos executivos estão terminando suas carreiras.

Recebi este primeiro não de patins e, depois por algumas outras vezes na vida, por conta de excesso de atividades. Sabe aquelas histórias, ” nunca dá”. Primeiro, enquanto criança aos sete anos mais ou menos não podia mesmo. Incrível. Não conseguia me dar bem em nenhum esporte. Agora, dançar – ótimo. Vôlei um pouquinho melhor…mesmo assim, ainda não era a minha paixão. Nadar – não suportava. Até que, aos 32 anos mais ou menos fui convidado pela amiga Jane Zago para ir ao Eldorado Shopping Center, pista de patinação,  Ocean Drive. A ideia era acompanhar as filhas e nós adultos ficarmos conversando e tomando café – coisas do gênero. 

Inesperadamente, disse. Jane vou para pista também. Ela, ” Eu também, Roberto”. Quando vesti os patins e sai rodando…já entendi que era isso que gostaria de praticar como esporte. Passei uma chuva aproveitando a pista. Casei,  mudei e abandonei a ideia. 20 anos depois retomei tudo do zero. Caindo como quase todos que começam.  

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

AGRADECIMENTOS: 

@cbhpvelocidade @berlinmarathoninlineskating @voudepatins @voudepatins @powerslidebrand @redeglobo Globo @brasileirossemfronteiras @radiogeekbr @radiobandnews

#rollingsports #souesportista #decathlonbrasil #decathlonraposo#vulcanoenergydrink #powerslidebrand #robertomarinho#robertomarinhovoudepatins #berlinmarathon #patinsnabagagem #rafaromano

Favor: 

DEIXE POR AQUI O SEU ” JOINHA”…E ME SIGA…NAS REDES SOCIAIS, TAMBÉM……TODAS COM O MESMO NONME E OBJETIVO:  

VOU DE PATINS

Um abraço do,

Roberto Marinho – Atleta Confederado e Federado pela, CBHP,

Membro da SuperAção Roller Team  

 

 

 

 

CAMPEONATOS

VOU DE PATINS PARA A BMW – BERLIN MARATHON 2018

22 de setembro de 2018 — por Roberto Marinho0

WhatsApp-Image-2018-09-22-at-21.39.01-960x720.jpeg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONSEGUI MAIS UM OBJETIVO: CONCLUIR A BERLIN MARATHON – 42KM DE DISTÂNCIA COM UMA VELOCIDADE PRÓXIMA AOS 20KM EM APROX. 2hs00, MANTENDO A LIDERANÇA ( PRIMEIRO BRAZUKA CAMPEÃO MASTER 50 – 2018 ) COMO ATLETA BRASILEIRO CONFEDERADO / FEDERADO PELA CBHP. !! 
download
” Brazucas”  representam nosso País na BMW – Berlin Marathon 2018. Uma delegação de 20 atletas, divididos em suas categorias: Masculino, feminino, e por faixa etária. Junto a este grupo estão as/os atletas Confederados e federados Pela CBHP – Confederação Brasileira de Hoquei e Patinação  

ÚLTIMAS SEMANAS DE TREINOS ANTES DE IRMOS PARA BERLIN. PERCORREMOS CERCA DE 30/40KM, EM SOLO E CONDIÇÕES PARECIDAS ÀS DA BERLIN MARATHON 2018 !!

 

 

 

 

 

 

CAMPEONATOS

VOU DE PATINS RECEBE AMIGOS ANTES DA PROVA

11 de agosto de 2018 — por Roberto Marinho0

d7f8d96e-87e6-4ee9-9abe-ffecb6e6b4ed-960x720.jpg

BOMBANDO NA RETIRADA DOS KITS 

VISITA DE AMIGOS NO ESPAÇO DO VOU DE PATINS 

LARGADA DA PROVA….INCLUSIVE COM A TRILHA SONORA DA PROVA DA BERLIN MARATHON 

+ SOBRE A LARGADA DA PROVA, INCLUSIVE COM A TRILHA SONORA DA PROVA DA BERLIN MARATHON 

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

AGRADECIMENTOS: 

#VOU DE PATINS PARA O MARAQTHON BERLIN 2018, NO BRASIUL #VOUDEPATINS @VOUDEPATINS #VULCANOENERGYDRINK @VULCANOENERGYDRINK #POWERSLIDE @POWERSLIDE #ROLLINGSPORTS @ROLLINGSPORTS #RAFAELROMANO @RAFAEL ROMANO #ROBERTOMARINHO @ROBERTOMARINHO #ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS @ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS

Favor: 

DEIXE POR AQUI O SEU ” JOINHA”…E ME SIGA…NAS REDES SOCIAIS, TAMBÉM……TODAS COM O MESMO NONME E OBJETIVO:  

VOU DE PATINS

Um abraço do,

Roberto Marinho – Atleta Confederado e Federado pela, CBHP,

Membro da SuperAção Roller Team  

 

Geral

FUI DE PATINS NA ROLLER DANCING – CHIQUE PARIS !!!

6 de agosto de 2018 — por Roberto Marinho0

37971781_1333895386713663_9124354976049528832_n-960x480.jpg

dançamos até 

Patinação é mesmo, tudo de bom !! Fiz nova amizade. Conheci a Vanessa a partir de uma reunião de negócios – como cliente de uma das muitas empresas que minha  equipe atende. Acabou que, falamos de patinação. Soube que a “Van” rsss e sua família tinham facilidade para acessar a Roller Dancing. Eu sempre querendo conhecer. Então, lá Fui de Patins. 

Uma delícia. Amei, tudo E RECOMENDO !!

WhatsApp Image 2018-08-06 at 23.07.32
WhatsApp Image 2018-08-06 at 23.07.16
ROLLER-DANCING-3
ROLLER-DANCING-6
ROLLER-DANCING-2
WhatsApp Image 2018-08-06 at 23.06.56
ROLLER-DANCING-4
VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

AGRADECIMENTOS: 

#VOU DE PATINS PARA O MARAQTHON BERLIN 2018, NO BRASIUL #VOUDEPATINS @VOUDEPATINS #VULCANOENERGYDRINK @VULCANOENERGYDRINK #POWERSLIDE @POWERSLIDE #ROLLINGSPORTS @ROLLINGSPORTS #RAFAELROMANO @RAFAEL ROMANO #ROBERTOMARINHO @ROBERTOMARINHO #ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS @ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS

Favor: 

DEIXE POR AQUI O SEU ” JOINHA”…E ME SIGA…NAS REDES SOCIAIS, TAMBÉM……TODAS COM O MESMO NONME E OBJETIVO:  

VOU DE PATINS

Um abraço do,

Roberto Marinho – Atleta Confederado e Federado pela, CBHP,

Membro da SuperAção Roller Team  

 

 

CAMPEONATOS

SILVANA COM SUA EQUIPE NA 70.3 IRONMAN 2018 E NO COMANDO DA PRIMEIRA LET’S ROLLER & RUN

5 de agosto de 2018 — por Roberto Marinho0

WhatsApp-Image-2018-08-03-at-11.53.03-2-960x960.jpeg

 

Correndo ou rodando a idealizadora da Primeira Let’s Roller & Run, 2018, há uma semana de acontecer o evento  – Silvana Cole, leva um grupo de Atletas, de alta performance,  para participar da ”  70.3 Ironman Maceió -Alagoas/Maceió.  Um evento cujo CEO é Carlos Galvao da Unlimited, ex- aluno de Silvana Cole, atual amigo. Um dos ganhadores, Ricardo Santos,  Seu esposo,  sócio na BÁSICA TREINAMENTO E SAÚDE ( Empresa  especializada na preparação de atletas de alto rendimentos para grandes desafios e programas de qualidade de vida e saúde ), também, programas individualizados visando objetivos bem específicos assim como trabalho para grupos de grandes corporações – vejam site ), sagrou-se como um dos Atletas destacados se classifica, da equipe.

Silvana Cole e Ricardo Santos ( da esq. p/ direita ).  está entre um dos Atletas que conseguiu uma das 1.700 vagas ( mundialmente falando ), para disputar prova Ironman Nice, na França. Porém, “Ganehi  a categoria e a vaga. Mas mas vou optar pelo mundial do Hawaii na mesma época”, comenta o Atleta. 

TUDO QUE ACONTECEU NO EVENTO:  CAIXA IRONMAN 70.3 Maceió AL será atração no domingo

O CAIXA IRONMAN 70.3 Maceió AL foi a atração esportiva do fim de semana.  Pelo segundo ano consecutivo, a capital alagoana sediou uma das mais importantes competições do mundo, com a participação de 1500 atletas de 14 países. Focado na Faixa Etária, distribuiu 30 vagas para o Mundial IRONMAN 70.3 2019, programado para a cidade de Nice, na França. Ricardo Santos, como disse acima, foi um dos Brasileiros que conquistou uma das vagas.

O desafio foi  1,9km de natação, 90km de ciclismo e 21.1km de corrida, com largada em ondas, começando às 6h na Praia de Pajuçara.

A programação oficial previa para o sábado  a segunda edição do CAIXA IRONKIDS, uma prova para crianças de 2 a 12 anos que teve como foco incentivar a prática esportiva na garotada e ainda proporcionar uma programação mais atraente para as famílias que acompanham a etapa. O IRONKIDS Maceió começou por volta das 8h, na Praia Pajuçara – Praça Multi Eventos – Av. Dr. Antonio Gouveia 925.

Já a  prova, no domingo, começou na Praia Pajuçara em um percurso de natação de uma volta. Da praia, os atletas sairão para o percurso da bike, que foi composto por duas voltas em direção à Praia do Francês, com um cenário incrível. Os atletas concluíram o evento após uma meia maratona por três voltas pela Praia Pajuçara.

WhatsApp Image 2018-08-05 at 23.29.29
WhatsApp Image 2018-08-05 at 23.30.40
WhatsApp Image 2018-08-05 at 23.31.16
WhatsApp Image 2018-08-05 at 23.34.02
WhatsApp Image 2018-08-05 at 23.34.25
Sucesso em 2017

Em pesquisa feita pela World Triathlon Corporation (WTC), empresa detentora da marca IRONMAN, os atletas elegeram em 2017 os melhores eventos do calendário, em diversas categorias. O CAIXA IRONMAN 70.3 de Maceió AL se destacou com dois primeiros lugares: como “melhor local” para realização do evento; e sobre “Qual prova estaria no próximo ano”. A resposta a este bom resultado veio rapidamente, a edição de 2018 teve seu limite técnico atingindo com 1500 atletas inscritos.

Programação

Praia Pajuçara – Praça Multi Eventos – Av. Dr. Antonio Gouveia 925.

4 de agosto – Praia Pajuçara

8h –  Corrida IRONKIDS

9h – 19h – Expo IRONMAN®

9h – 13h – Entrega de kits

9h30 – Congresso Técnico – português (permitida a entrada apenas de atletas inscritos)

10h30 – Congresso Técnico – inglês

14h30 – 19h30 – Bike Check-in

14h30 – 15h30 – números 1001 – 1400

15H31 – 16h30 – números 0751 – 1000

16h31 – 17h30 – números 0501 – 0750

17h31 – 18h30 – números 0251 – 0500

18h31 – 19h30 – números 0001 – 0250

5 de agosto – Praia Pajuçara

7h – 20h – Expo IRONMAN®

4h – 5h40 – Acesso dos atletas à área de transição

6h – 6h15 – Largada faixa etária em ondas

6h – M 30-34 / M 45-49

6h05 – M 18-24 / M 35-39 / M 50-54

6h10 – M 25-29 / M 40-44 / M 55+

6h15 – Todas as mulheres

11h –   Premiação Elite  – top 3

12h – 15h – Bike Check-out

12h – 15h – Achados e perdidos

18h30 –  Premiação

19h30 – Distribuição de vagas IRONMAN® 70.3® World Championship 2019

 20h30  – Festa (local a confirmar)

VEJA TAMBÉM OUTROS CANAIS  DO VOU DE PATINS:
  • youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCQgVbEnEWY9xdagQtc50lSg?view_as=subscriber
  • Pagina no Face: Vou De Patins
  • Instagran: Vou de Patins
  • Pinterest: Vou de Patins:
  • https://twitter.com/VOUDEPATINS

AGRADECIMENTOS: 

#VOU DE PATINS PARA O MARAQTHON BERLIN 2018, NO BRASIUL #VOUDEPATINS @VOUDEPATINS #VULCANOENERGYDRINK @VULCANOENERGYDRINK #POWERSLIDE @POWERSLIDE #ROLLINGSPORTS @ROLLINGSPORTS #RAFAELROMANO @RAFAEL ROMANO #ROBERTOMARINHO @ROBERTOMARINHO #ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS @ROBERTOMARINHOVOUDEPATINS

Favor: 

DEIXE POR AQUI O SEU ” JOINHA”…E ME SIGA…NAS REDES SOCIAIS, TAMBÉM……TODAS COM O MESMO NONME E OBJETIVO:  

VOU DE PATINS

Um abraço do,

Roberto Marinho – Atleta Confederado e Federado pela, CBHP,

Membro da SuperAção Roller Team